segunda-feira, 23 de junho de 2008

Humildade


A humildade é como o ar: cabe em todos os lugares e serve para todos os seres humanos, desde os soberanos aos párias.

A humildade nos soberanos ainda os torna maiores, em tais dimensões que só os sábios alcançam; a prepotência que um pária possa ter - e quantos existem destituídos de qualquer virtude, mas ostentam vaidade fútil e idiota - o leva ao ridículo perante os olhos de seus semelhantes, pois o vaidoso, transformado, passa a ser títere, boneco de engonço, melancolicamente vazio.

Um comentário:

marcia rocha disse...

Olá tudo bem? Venho da votação lá no Roberto, adorei os textos parabéns, leve meu selo award de presente.